Efraim Filho quer tornar informática matéria obrigatória no ensino médio

Efraim Filho quer tornar informática matéria obrigatória no ensino médio

 O deputado federal paraibano Efraim Filho (Democratas), informou que estará cobrando mais uma vez ao Ministério da Educação para que torne a informática disciplina obrigatória na parte diversificada dos currículos do ensino médio.

Efraim Filho argumenta que já apresentou em anos anteriores requerimento aprovado pelo plenário da Câmara dos Deputados com essa reivindicação, e que irá continuar cobrando uma solução para essa demanda da população e dos cursos de Ciências da Computação.
Leia mais

Dom Aldo nega impedimento pelo Vaticano e desafia denunciantes a mostrar provas

Dom AldoO arcebispo Dom Aldo Pagotto tem evitado se pronunciar sobre as constantes denúncias anônimas que surgem na imprensa a cada semana. Orientado por seus advogados, o religioso tem adotado a postura de não rebater as informações, por não ver dados substanciais que não restrinjam as notícias a meros boatos. O jornalista Eisenhower Almeida, responsável pela Pastoral de Comunicação da Arquidiocese da Paraíba, falou ao ParlamentoPB que dom Aldo está cumprindo agenda normal de arcebispo, negando, desta forma, o suposto impedimento determinado pelo Vaticano à sua atividade presbiteral.

“O que ele pede é que quem fez as denúncias, que mostre a cara e prove as informações, porque é muito fácil se esconder atrás do anonimato e a única cara a ser dada para bater ser a dele”, diz o jornalista.

Leia mais

Primeira parcela do 13º de aposentados deve injetar R$ 235,2 milhões na PB

dinheiroCom o pagamento da primeira parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas agora no mês de setembro, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estima que R$ 235,2 milhões sejam injetados na economia da Paraíba.

O estado tem 698.322 aposentados, sendo que 84% destes receberão o 13º salário. Os outros 16% restantes fazem parte de um grupo de beneficentes assistenciais, para os quais, não é pago o abono.

A estimativa leva em conta o pagamento da folha de pessoal do mês de julho, que girou em torno de R$ 560 milhões. Com o pagamento de 50% do 13º e mais o salário em setembro, a folha deverá ficar por volta de R$ 800 milhões. Leia mais

Ricardo entrega rodovia Mataraca/Barra de Camaratuba

Leia mais

Municípios paraibanos recebem mais de R$ 626 mihões em tributos estaduais

dinheiroOs 223 municípios paraibanos receberam do governo estadual mais de R$ 626,786 milhões em tributos  no acumulado do primeiro semestre de 2015. O volume é de R$ 30,4 milhões a mais sobre igual período do ano passado, quando o montante transferido foi de R$ 596,341 milhões.

O maior volume repassado ficou com a cota parte de 25% do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS). No período, o repasse aos cofres municipais atingiu R$ 558,091 milhões. Outros R$ 68,694 milhões vieram do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), que representa 50% do montante arrecadado.  Já o ICMS, tributo carro-chefe da receita estadual, representou 89% do repasse às prefeituras paraibanas.  Leia mais

A partir das 18h: grevistas da UFPB e do IFPB realizam hoje protesto na Praça da Paz, em JP

A partir das 18h: grevistas da UFPB e do IFPB realizam hoje protesto na Praça da Paz, em JP

 Professores, servidores técnicos-administrativos e estudantes da UFPB e do IFPB realizam nesta sexta-feira (28/8), a partir das 18h, um grande ato público na Praça da Paz, no bairro dos Bancários, em João Pessoa. O objetivo é cobrar do Governo Federal a retomada das negociações da campanha salarial 2015 e divulgar para a sociedade o descaso com as instituições federais de ensino.

O protesto faz parte da ação de mobilização dos trabalhadores do setor da educação federal. No mesmo dia, o Andes – Sindicato Nacional e outras entidades realizam um grande ato público na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com a participação de professores, servidores e estudantes de todo o país. O Comando Local de Greve dos docentes da UFPB estará presente nessa mobilização com uma delegação formada por 18 pessoas. Leia mais